Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Normalmente associamos a limpeza dos nossos veículos com uma simples ida ao lava jato e ignoramos o fato importante: a higienização interna de veículos, responsável por manter o carro limpo e seguro para a saúde das pessoas que o utilizam.

Os veículos possuem uma quantidade grande de tecidos e carpetes que acumulam restos de alimentos e vários outros tipos de substância que favorecem a aparição de fungos e bactérias. O surgimento destes microrganismos é inevitável, já que os automóveis são um ambiente propício ao seu desenvolvimento.

A higienização interna de veículos vai muito além da estética e cuidados com o carro. Entenda melhor o que é esse serviço, como ele é realizado e o tamanho da importância de um processo que é, muitas vezes, ignorado. Abaixo, listamos algumas dicas que vão te ajudar a manter o seu carro limpo e seguro por muito mais tempo, continue lendo.

1 – Teto

Normalmente, quando se lava um carro por fora, o recomendado é fazer a limpeza de cima para baixo, no caso da higienização interna a dica não é diferente. Na hora de higienizar o teto do seu veículo, utilize um pano umedecido com água, detergente neutro e um desinfetante da sua escolha. Mas antes, remova todo acúmulo de resíduos com uma escova macia ou pano seco. Em seguida borrife a mistura, e retire a sujeira com um pano limpo. Importante: para evitar que o teto fique úmido, passe novamente um pano seco e limpo.

2 – Estofados

O mesmo processo utilizado para limpar o teto do seu carro, pode ser aplicado nos estofados também, mas tenha cuidado redobrado. A espuma dos estofados retém muito mais água, então o seu esforço para deixar o estofado seco deverá ser maior. A dica é utilizar um aspirador de pó para remover a sujeira mais pesada antes de passar o pano. Em bancos de couro, utilize apenas pano e água, produtos de limpeza podem danificar o material e provocar manchas. Lembre-se; os estofados abrangem uma área considerável do interior do seu carro, logo, estão mais propensos a reter resíduos.

3 – Secagem do interior do veículo

Talvez essa seja a etapa mais temida por todos que pretendem fazer a higienização interna em casa. A secagem deve ser feita de maneira primorosa, para que a tarefa traga benefícios em vez de mais problemas. Na parte interna do veículo, nunca utilize água corrente. O ideal é fazer uso sempre de panos umedecidos e secar em seguida, evitando que a substância penetre na espuma.

Após realização da higienização interna nos estofados, é importante deixar secar por duas horas ou mais. Janelas e portas abertas e, de preferência, sob o sol (desde que o carro não esteja molhado por fora!).

4 – Painel

A limpeza do painel do seu veículo deve ser feita com pano úmido e pequena quantidade de detergente neutro. Se o seu painel possui grandes partes de plástico, poderá utilizar também o silicone para dar mais brilho às peças. Lembre-se: o painel traz componentes essenciais para o bom funcionamento do seu carro, portanto tome cuidado ao realizar a higienização interna.

5 –  Vidros

Higienização interna de veículos 3

Um drama para quem faz a higienização interna em casa: vidros manchados! Para evitar este tipo de problema, use uma solução específica para esse cuidado disponível em supermercados ou lojas especializadas. Retire o excesso de poeira com um pano limpo e, em seguida, passe outro pano com o produto. Finalize “lustrando” o vidro com uma flanela seca e bem macia.

6 – Tapetes

Se os tapetes forem de borracha, nada melhor do que lavá-los na água corrente, com detergente e uma escova para retirar o excesso de sujeira. Se forem de carpete, limpe-os com o aspirador de pó e pano úmido. Não esqueça de realizar esse processo de higienização interna com os tapetes fora do veículo.

7 – Cinto de Segurança

Puxe todo o cinto de segurança, e realize a limpeza apenas com uma solução de água morna e sabão neutro. Produtos químicos podem danificar a resistência do tecido e comprometer a eficiência do componente de segurança. Dica importante: o cinto deve ser mantido totalmente esticado durante a sua secagem.

Higienização interna de veículos 4

 Existem muitas opções de limpeza de veículos disponíveis no mercado, e os valores variam de acordo com o tamanho do seu carro. Para te ajudar a escolher qual se encaixa melhor na sua necessidade, separamos os serviços que fogem do convencional, confira:

Lavagem a seco: conhecida também como lavagem ecológica, ela contribui na manutenção da parte interna do seu carro, além de formar uma película protetora que dificulta a infiltração de sujeira.

Lavagem a vapor: além de ajudar na manutenção da pintura, a lavagem a vapor é super indicada para higienização interna e pode ser feita de 6 em 6 meses.

Purificação de ar: se o seu carro está com mau cheiro, esta é a opção ideal. Por meio da ação do ozônio, ele tira cerca de 90% dos microrganismos que poluem o interior do seu carro.

 Higienização interna: este é o processo mais completo. Lava, aspira e limpa profundamente o porta-malas, bancos, painéis, etc. Como vimos anteriormente, é um serviço detalhado e, caso você o faça em lojas especializadas, vai pagar mais caro por ele.

Desenvolver o costume de limpar o interior do carro regularmente é a melhor maneira de garantir um veículo sempre limpo, saudável e cheiroso. Elimine as sujeiras do dia a dia como embalagens, folhetos e até resíduos de alimentos. Afinal, um carro limpo e com aroma agradável é capaz até de melhorar o seu humor durante o trajeto, certo?

Texto: Pemavel Veículos.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
70 View